NO AR!

Musical da Nova

Com Nova Fm

Copa do Mundo: horários, onde assistir e escalações dos jogos desta quinta-feira

Confira informações sobre as quatro partidas do dia, válidas pelos Grupos G e H

24 de Novembro de 2022 07:55

Esta quinta-feira (24) terá quatro jogos pela fase de grupos da Copa do Mundo. A primeira partida, às 7h, será entre Suíça e Camarões, no Estádio Al Janoub, em Al Wakrah. Ainda pela manhã, às 10h, Uruguai e Coreia do Sul se enfrentam no Estádio Cidade da Educação, em Doha.

Depois, no começo da tarde, às 13h, Portugal e Gana jogam no Estádio Ras Abu Aboud, também em Doha. Fechando o dia, às 16h, Brasil e Sérvia duelam no Estádio Lusail, em Lusail.

Onde assistir aos jogos desta quinta-feira

Os canais RBS TV e SporTV anunciam transmissões ao vivo.
Suíça x Camarões: prováveis escalações e como chegam
Suíça
Sommer; Widmer, Schar, Akanji e Rodriguez; Freuler, Xhaka; Shaqiri, Sow e Vargas; Embolo. Técnico: Murat Yakin
Camarões
Onana, Fai, Castelleto, Nkoulou e Tolo; Oum, Hongla e Anguissa; Mbeumo, Ekambi e Choupo Moting. Técnico: Rigobert Song
Como chega a Suíça
Os suíços chegam confiantes para o Mundial do Catar. O técnico Murat Yakin, inclusive, afirmou que comanda a "melhor seleção do país em todos os tempos". Depois de alcançar as oitavas de final em 2014 e em 2018, a meta, mais do que ambiciosa, envolve uma sonhada quartas de final, o que repetiria as campanhas de 1934, 1938 e 1954.

Apostando nas jogadas de transição rápidas pelos lados do campo, os principais nomes da equipe estão no meio-campo: Granit Xhaka, do Arsenal, e Shaqiri, do Chicago Fire. O goleiro Yann Sommer, do Borussia Monchengladbach, recuperado de lesão, é outro nome para ficar de olho.
Como chega Camarões
Considerada a maior força do continente africana em anos anteriores, o momento de Camarões não é dos mais empolgantes. Nos dois amistosos realizados em novembro, dois empates em 1 a 1, diante de Jamaica e Panamá, duas seleções que nem se classificaram para a Copa do Mundo.

Sob o comando de Rigobert Song, as principais peças estão no setor ofensivo. Vincent Aboubakar, do Al-Nassr, tem 33 gols marcados em 90 jogos pela seleção. Choupo-Moting, do Bayern de Munique, vive grande fase. Na atual temporada, foram 11 gols e três assistências em 16 partidas.

Uruguai x Coreia do Sul: prováveis escalações e como chegam
Uruguai
Rochet; Varela, Godín, Giménez e Olivera; Bentancur, Vecino, Valverde e De Arrascaeta; Suárez e Núñez. Técnico: Diego Alonso
Coreia do Sul
Seung-gyu; Moon-hwan, Young-gwon, Min-jae e Jin-su; Woo-Young, In-beom e Jae-sung; Hwang Hee-chan, Son e Ui-jo. Técnico: Paulo Bento
Como chega o Uruguai
Entre as seleções que já foram campeãs mundiais, os uruguaios são os que detêm o maior jejum sem taça. No entanto, não há o que reclamar. Após a saída da lenda Óscar Tabárez, que ficou 15 anos à frente da Celeste, o técnico Diego Alonso conseguir organizar a equipe e garantir a vaga no Mundial.

Os nomes mais destacados seguem sendo Suárez e Cavani. O segundo, contudo, não tem presença garantida na estreia. Valverde, destaque no Real Madrid pela intensidade e velocidade, tem chamado a atenção no meio-campo. Outra novidade pode ser Arrascaeta, do Flamengo, que disputa uma vaga com De La Cruz, do River Plate.

Como chega a Coreia do Sul
Os coreanos chegam ao Catar conhecidos pela organização dentro de campo. Há ainda o desejo de dar o troco pela eliminação nas oitavas de final da Copa do Mundo da África do Sul, em 2010, quando os uruguaios levaram a melhor, por 2 a 1, com dois gols anotados por Suárez.

A estrela é Heung-min Son, craque do Tottenham. Com 35 gols anotados em 105 aparições pela Coreia do Sul, ele desponta pela habilidade e inteligência para jogar futebol. De acordo com o técnico Paulo Bento, o jogador de 32 anos está recuperado de uma fratura no rosto. Por precaução, ele deverá atuar com uma máscara protegendo a face.

Portugal x Gana: prováveis escalações e como chegam
Portugal
Diogo Costa; Cancelo, Rubén Dias, Pepe e Nuno Mendes; Rubén Neves e William Carvalho; Bernardo Silva, Bruno Fernandes e Rafael Leão; Cristiano Ronaldo. Técnico: Fernando Santos
Gana
Ati-Zigi; Odoi, Amartey, Djiku e Mensah; Partey, Owusu e Kudus; J. Ayew, A. Ayew e Williams. Técnico: Otto Addo
Como chega Portugal
Os portugueses chegam ao Mundial com uma geração considerada brilhante, capaz de entrar para história. O que, no caso de Portugal, consistiria em alcançar à final, visto que a equipe terminou com o terceiro lugar nos anos de 1966 e 2006. Se o elenco gera expectativas, as críticas se voltam ao técnico Fernando Santos, considerado conservador.

O destaque, como não poderia ser diferente, é Cristiano Ronaldo, presente em todas as Copas desde 2006. Vale ficar de olho em Bruno Fernandes, do Manchester United, e Bernardo Silva, do Manchester City. A única dúvida é no lado esquerdo de ataque. Rafael Leão, do Milan, e João Félix, do Atlético de Madrid, brigam pela posição entre os titulares.

Como chega Gana
Ausentes no Mundial da Rússia, em 2018, os ganenses estão de volta ao principal palco do futebol mundial. Mesmo com a má impressão deixada na derrota para o Brasil, em amistoso disputado em setembro, o objetivo é passar de fase, missão complicada em um grupo que tem Portugal e Uruguai.
O capitão Andre Ayew, que vai para a terceira Copa do Mundo, é a maior figura da equipe comandada pelo técnico Otto Addo. Iñaki Williams, ganense criado na Espanha e que atua no Athletic Bilbao, é a principal esperança de gols.

Brasil x Sérvia: prováveis escalações e como chegam
Brasil
Alisson; Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Alex Sandro; Casemiro, Lucas Paquetá e Neymar; Raphinha, Richarlison e Vinícius Jr. Técnico: Tite
Sérvia
Milinkovic-Savic; Milenkovic, Veljkovic e Pavlovic; Zivkovic, Gudelj, Milinkovic-Savic e Miadenovic; Tadic; Mitrovic e Vlahovic. Técnico: Dragan Stojkovic
Como chega o Brasil
Favorita sempre que chega a época de Copa do Mundo, o Brasil aposta na continuidade do trabalho desenvolvido por Tite. Eliminado nas quartas de final para a Bélgica, em 2018, o técnico brasileiro parece ter aprendido com os erros de quatro anos atrás. Os bons resultados do time coincidem com os melhores momentos de jogadores de vários setores do campo. Destaque para a base formada por Alisson, Thiago Silva, Casemiro e Neymar.

Sem problemas para a estreia, a Seleção Brasileira deve ir a campo com uma formação ofensiva, tendo Paquetá como uma espécie de segundo volante, e quatro atletas com maior vocação ofensiva do meio para frente: Raphinha, Neymar, Richarlison e Vinícius Jr.

Como chega a Sérvia
Os sérvios ostentam uma sequência de cinco jogos sem perder antes do Mundial. O destaque está no sistema ofensivo da equipe europeia. Na Nations League, onde subiu de divi

Fonte: Gaúcha ZH

Recomendar correção

CORREÇÕES

voltar