NO AR!

Toca Brasil Espe...

Com Daiane

Dia do atleta paralímpico: superação e muitas conquistas

22 de setembro é o Dia Nacional do Atleta Paralímpico

22 de Setembro de 2022 19:00

Festejada desde 2014, a data também tem como objetivo ajudar no trabalho de conscientização para ampliar os meios de inclusão das pessoas com deficiência na sociedade.

O Brasil é um dos maiores vencedores quando o assunto é Jogos Paralímpicos.

Vamos conhecer agora os maiores destaques brasileiros Paralímpicos.

DANIEL DIAS

Vamos começar com o maior medalhista da história do Brasil, tanto olímpico e paralímpico. O nadador de 34 anos conquistou 27 medalhas em Jogos Paralímpicos, as três últimas foram em Tóquio, 3 bronzes.

Daniel Dias anunciou a aposentadoria após os Jogos de Tóquio no ano passado.

EVELYN DE OLIVEIRA

Evelyn é medalhista de ouro nas duplas mistas da categoria BC3 da bocha nas Paralimpíadas Rio 2016.
Nos Jogos Paralímpicos de Tóquio, aos 44 anos, foi escolhida para ser a porta bandeira da delegação brasileira.

PETRÚCIO FERREIRA

O paratleta mais rápido do mundo, Petrúcio Ferreira é um fenômeno do Atletismo. O bicampeão Paralímpico conquistou seu primeiro ouro na Rio 2016.

ANTÔNIO TENÓRIO

Antônio Tenório da Silva não é só o maior paratleta do Judô brasileiro, mas é o maior judoca paratleta do mundo. Os Jogos Paralímpicos de Tóquio marcaram a sétima edição do atleta, depois de 6 edições e 6 medalhas conquistadas.

Sua estreia no megaevento foi em Atlanta 1996, lutando na categoria B1, para cegos totais. Hoje, aos 50 anos, Antônio ainda pensa em esticar a carreira até a edição de Paris, em 2024.

YELTSIN JACQUES

Yeltsin Jacques conquistou a centésima medalha de ouro paralímpica da história do Brasil.

Depois de estrear em Tóquio garantindo a primeira medalha dourada do atletismo brasileiro nos 5.000m masculino T11, para cegos, ele chegou ao primeiro lugar do pódio novamente nos 1.5000m, com direito a recorde mundial: 3min57s60.

Por Mateus Alves

Fonte: ND +

Recomendar correção

CORREÇÕES

voltar