NO AR!

Toca Tudo

Com Flavio Barcellos

Fundação Hospitalar é contemplada com nova remessa de alimentos do PAA

A entrega dos produtos será escalonada, de acordo com a demanda do departamento de nutrição do hospital.

23 de Junho de 2022 18:00

Pela segunda vez, a Fundação Hospitalar São Lourenço foi contemplada no Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), na modalidade compra com doação simultânea. São em torno de R$ 30 mil em alimentos como pães, massas, filé de tilápia, frutas, verduras e legumes, todos adquiridos diretamente da agricultura familiar do município. A entrega dos produtos será escalonada, de acordo com a demanda do departamento de nutrição do hospital. Os valores foram entregues em ato simbólico, na segunda-feira (20), num encontro no auditório do hospital.

Além de serem alimentos que integram o dia a dia do hospital, Vanessa Meneguetti Batistti, nutricionista do hospital, destaca a qualidade e a redução dos custos. Ela explica que, assim como foi na primeira edição, a dinâmica do programa permite que o hospital mantenha contato direto com os produtores fornecedores e, consequentemente, consiga definir cardápios e quantidades necessárias. “É uma forma de otimizar os alimentos e manter a qualidade”, justifica.

Neuri Garbin, presidente do Sindicato dos Trabalhadores da Agricultura Familiar (Sintraf) de São Lourenço do Oeste e Novo Horizonte, sinaliza que há mais recursos para essa finalidade. Porém, ele adianta que preciso concluir esse processo primeiro, com a correta prestação de contas. Segundo ele, é um programa importante, pois ao mesmo tempo que beneficia as entidades, com o repasse de produtos de qualidade, valoriza o produtor e faz com que os recursos circulem dentro do município.

Aquisição dos alimentos

Conforme informações do Sintraf de São Lourenço do Oeste e Novo Horizonte, é a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), com recursos do Ministério do Desenvolvimento Social, que compra esses produtos da Cooperativa dos Agricultores Familiares (Coopaf) e faz a doação para entidades do mesmo município. Hoje há cerca de 30 famílias cadastradas e aptas a fazer a venda dos produtos no município.

Nesta etapa foram investidos R$ 100 mil na aquisição de alimentos. A ONG Entre Amigos e Crianças e o Centro de Referência em Assistência Social (Cras) também foram contemplados. Os recursos foram destinados por meio de emenda parlamentar do deputado federal Pedro Uczai. O ato foi acompanhado pelo presidente da Fundação Hospitalar, Erico Ecker, representantes das entidades beneficiadas e agricultores fornecedores.

Fonte: ASCOM FUNDAÇÃO HOSPITALAR

Recomendar correção

CORREÇÕES

voltar