NO AR!

Nova Manhã

Daiane

Peça seu sucesso!

OUÇA AGORA!

Hoje, 18 de Agosto de 2018

Cientistas desenvolvem 'plástico' ecológico feito de batatas

Melhores técnicas de reciclagem e uso de materiais orgânicos podem ser soluções ao problema do acúmulo de plástico.

13 de Fevereiro de 2018 19:00

Sabemos que o plástico é um problema sério para o planeta- os oceanos estão ficando infestados de lixo, o que ameaça diversas espécies marinhas. Só 9% dos detritos de plástico são recicláveis. E a queima desses materiais contribui para a emissão de gases do efeito estufa. Copos e embalagens feitos com materiais orgânicos e melhores técnicas de reciclagem podem ser uma solução?

Os seres humanos se acostumaram ao longo dos anos a depender de plástico. É durável e versátil, e a economia moderna, em parte, depende desse material. Para muita gente que usa, simplesmente não existem opções comerciais biodegradáveis viáveis e em quantidade suficiente para substituir.

Um exemplo é o canudo de plástico. A empresa Primaplast, fabricante líder de canudos, diz que alternativas mais ecológicas são muito mais caras.

Outro exemplo é o copo de café descartável. No Reino Unido, são jogados 2,5 bilhões de copos assim todo o ano. E se engana quem pensa que eles são recicláveis. Uma camada de polietileno usada para tornar o copo impermeável impede o reaproveitamento.

Uma empresa que está tentando mudar isso é a Biome Bioplásticos, que já desenvolveu copos completamente recicláveis usando materiais orgânicos como fécula de batata e amido de milho, e celulose, os principais componentes das paredes celulares das plantas. Os plásticos mais tradicionais são feitos de óleo.

"Vários consumidores compram os copos em boa fé, achando que eles podem ser reciclados", diz Paul Mines, chefe-executivo da empresa.

"Mas a maioria das embalagens descartáveis são feitas de papelão colado com plástico, o que faz com que não sejam adequados à reciclagem. E algumas são feitas de isopor, que também não pode ser reciclado."

A empresa criou um plástico feito de planta, chamado bioplástico, que é completamente biodegradável e que pode ser jogado tanto em lixeiras de reciclagem de papel quanto nas de lixo orgânico.

Mines acredita que é a primeira vez que bioplástico está sendo transformado em copos e embalagens descartáveis completamente recicláveis e capazes de resistir a líquidos quentes. Esses produtos ainda não estão no mercado, mas Mines está em negociação com diferentes revendedores.

"Não é viável se livrar por completo dos plásticos, mas é possível substituir alguns plásticos originados do petróleo por outros, derivados de plantas", diz ele.

Fonte: G1 Ciência

Recomendar correção

CORREÇÕES

voltar